A Day in the Life: What is a Pilot’s Schedule Really Like?

Pensando em se tornar um piloto profissional? Parabéns! A vida como piloto pode ser emocionante, gratificante e memorável. Também pode ser desafiador, estressante e exaustivo.

Obter uma prévia realista do que esperar é uma das melhores coisas que você pode fazer antes de se comprometer. Hoje estamos compartilhando uma visão geral de como é a vida de um piloto.

Abordaremos todas as perguntas mais comuns e, em seguida, convidaremos nossos pilotos comerciais e ATP mais experientes para compartilhar suas próprias experiências na seção de comentários.

Vamos começar.

Como é o dia do piloto?

Um dia na vida: como é realmente a programação de um piloto?

A vida de um piloto varia de dia para dia. Foto de Westwind Air Service no Unsplash

Numa única palavra – variado.

Ao contrário dos trabalhos mais padronizados, que são iguais no dia a dia, os horários dos pilotos podem envolver voos para diferentes cidades e países em vários fusos horários. Alguns pilotos realizam muitos voos diurnos mais curtos e outros realizam menos voos longos com escalas.

Um dia típico

Quando chegam ao aeroporto, os pilotos das companhias aéreas fazem o check-in na companhia aérea e passam pela segurança até o portão designado, com a mala de voo a reboque.

Uma vez a bordo, o piloto encontra seu(s) copiloto(s) e tripulação de voo e, em seguida, começa a trabalhar com o planejamento pré-voo final e as listas de verificação pré-voo. Assim que receberem autorização para recuar do portão, o vôo começa.

Depois de pousar em seu destino, o piloto pode terminar o voo do dia – ou não. Se o piloto estiver fazendo uma curva ou uma série de saltos curtos, ele poderá estar de volta ao ar em apenas trinta minutos. Após completar um voo mais longo, os pilotos dirigem-se para um hotel para, na maioria dos casos, pelo menos 8 a 10 horas de descanso antes de retornar ao aeroporto.

Quantas horas os pilotos trabalham por mês?

Um dia na vida: como é realmente a programação de um piloto?

Oficialmente, o tempo de voo começa quando a aeronave é ligada até o momento em que é desligada. Foto de Wenhao Ryan no Unsplash

Em primeiro lugar, existe uma diferença entre “trabalhar” e “voar”. Os pilotos de avião fazem as duas coisas.

O tempo de voo começa oficialmente assim que a aeronave é ligada e termina quando o avião é desligado em seu destino. De acordo com os relatórios mais recentes do Bureau of Labor Statistics dos EUA , os pilotos de linha aérea têm em média 75 horas de voo por mês. Os CFRs limitam os pilotos da Parte 121 a 100 horas de voo por mês civil e 30 horas em quaisquer sete dias consecutivos.

Além do tempo de voo, os pilotos registram em média mais 150 horas de serviço fazendo planejamento e preparação de voo, verificações meteorológicas e realizando outras tarefas não relacionadas ao voo.

Esses números colocam o tempo médio total mensal trabalhado em 225 horas.

A Flying Mag concorda com essas estimativas para pilotos de linha aérea e inclui uma média de piloto comercial de 85 horas de voo e 80 horas de solo por mês.

Nota: Os pilotos comerciais da Parte 135 podem registrar até 120 horas de voo por mês e 34 horas em 7 dias consecutivos.

Quanto tempo duram os turnos dos pilotos?

Os turnos de serviço dos pilotos incluem o tempo de serviço e o tempo de voo. Nos Estados Unidos, a FAA tem limites diferentes para cada um. A duração total do turno de serviço é entre nove e 14 horas para pilotos solteiros. Alternativamente, podem ser de 13 a 19 horas se houver dois ou mais pilotos na tripulação de voo. O tempo máximo de voo varia de oito horas a 17 horas. Isso depende da hora do dia em que o voo começa e do número de pilotos no voo.

Os pilotos passarão muitas horas adicionais realizando tarefas não relacionadas ao voo, como verificações meteorológicas, planejamento e muito mais.

Quantas horas por dia os pilotos trabalham?

O tempo de voo está incluído no tempo total de serviço, o que significa que os pilotos podem trabalhar até 19 horas por dia. Os regulamentos geralmente exigem um intervalo de descanso de pelo menos 8 a 10 horas entre os turnos. Isso significa que os pilotos não ficam de serviço 19 horas todos os dias. Além disso, o limite de tempo de voo de 30 horas por sete dias consecutivos garante que os pilotos não trabalhem em turnos prolongados consecutivos.

Quantas horas os pilotos trabalham por ano?

Os CFRs da FAA foram projetados para reduzir o tempo de voo dos pilotos da Parte 121 do limite de fadiga do piloto em 1.000 horas por ano civil. Com base nos relatórios médios de horas de voo do Bureau of Labor Statistics, a maioria dos pilotos de ATP voa cerca de 900 horas por ano. Os pilotos comerciais da Parte 135 têm um limite anual de horas de voo de 1.200 horas.

Dica profissional: Manter o controle das horas trabalhadas é muito importante, portanto, além dos diários de bordo digitais, muitos pilotos optam por manter um diário de bordo físico de backup .

Os pilotos têm folga nos fins de semana?

Vamos definir expectativas realistas: ser piloto comercial ou de linha aérea não é um trabalho de segunda a sexta, das 9h às 17h. Especialmente quando você começa como piloto júnior com baixa antiguidade, você deve esperar trabalhar muitos finais de semana e feriados. Aproveite os feriados e finais de semana que você tem folga. As atribuições de voo são baseadas na antiguidade, portanto, mais tarde em sua carreira, você deverá ter mais flexibilidade de horário para escolher seus dias de folga preferidos.

Como são atribuídos os horários dos pilotos?

 

A maioria das companhias aéreas usa um sistema de licitação de linha baseado em antiguidade para atribuir horários de voo. Neste método, a companhia aérea cria uma lista numerada de horários. Cada programação é chamada de “linha”. Os pilotos analisam os cronogramas e os classificam com base na ordem de preferência.

O piloto com maior antiguidade pode escolher a linha. O segundo piloto mais antigo obtém a escolha de linha número 1 se não for a linha escolhida pelo piloto sênior. Se o número 1 for igual ao número 1 do piloto sênior, o segundo piloto mais experiente terá a opção número 2. Esse processo continua na lista até que os pilotos de menor antiguidade recebam as linhas que sobraram.

Pilotos Reserva

Muito parecido com o jogo das cadeiras musicais, geralmente há mais pilotos do que linhas de programação. Como um piloto júnior recém-contratado, espere a possibilidade de ser designado para o serviço de “reserva” até ganhar antiguidade suficiente para manter sua própria programação.

Um piloto reserva é um reserva que não tem um cronograma definido e, em vez disso, é chamado a qualquer momento para preencher turnos que precisam ser preenchidos com urgência devido a uma série de fatores, incluindo atrasos climáticos/mecânicos ou pilotos programados que estão doentes.

O equilíbrio entre vida pessoal e profissional é o mais desafiador para os pilotos juniores que voam na reserva, mas se você persistir, acabará ganhando antiguidade e passando a manter uma linha que pelo menos oferece mais previsibilidade de cronograma.

Com que frequência os pilotos estão em casa?

Os pilotos gastarão muitos acréscimos

Os pilotos devem gostar de voar, pois às vezes você pode não estar em casa por várias noites seguidas. Foto de Kora Xian no Unsplash

O tipo de trabalho piloto que você realizar também determinará a frequência com que você estará em casa. Por exemplo, se você assumir um cargo em uma companhia aérea regional que realiza muitos voos de ida e volta, poderá estar em casa quase todas as noites. Outros pilotos de longa distância ficam fora por três ou quatro dias seguidos, voltam para casa por alguns dias e depois partem novamente para outra viagem.

Em geral, os pilotos de longo curso têm folga prolongada entre os dias de trabalho em troca de turnos mais longos, enquanto os pilotos de curto curso podem estar em casa todas as noites, mas têm menos dias de folga.

Variáveis

Claro, existem muitas variáveis. Em seu vídeo Truth About a Pilot's Work Schedule , Kelsey, um piloto de 747 do canal 74 Gear do YouTube, compartilha suas experiências do mundo real. Kelsey diz que os pilotos corporativos e fretados que ele conhece geralmente voam 7 dias dentro e 7 dias fora da programação. Ele diz que os pilotos de linha aérea voam em média 15 ou 16 dias por mês. A programação desses dias varia de acordo com a companhia aérea, mas muitas vezes parece uma viagem de três ou quatro dias seguida de três ou quatro dias de folga.

À medida que você ganha antiguidade, ou se sua companhia aérea permite que você troque voos com outros pilotos (nem todos o fazem), você poderá ter mais flexibilidade. Por exemplo, Kelsey diz que pode juntar todos os seus dias de vôo e ter várias semanas ininterruptas de folga a cada mês.

Um último ponto a considerar é que se você mora em uma das cidades-base de sua companhia aérea, terá mais tempo em casa porque, ao completar um voo, você já estará em sua cidade natal, em vez de ter que voltar para casa depois de seu voo. o trabalho acabou.

Os pilotos têm tempo para a família?

Não vamos adoçar: ser piloto não é a carreira mais familiar do mundo. Dito isto, muitos pilotos e suas famílias conseguiram equilibrar com sucesso as exigências de uma carreira na aviação com a necessidade de uma vida familiar satisfatória. Comunicação, expectativas realistas, flexibilidade e paciência são chaves para o sucesso.

Os pilotos juniores têm em média doze dias de folga por mês. Quando você se tornar um piloto sênior, esse número poderá aumentar para vinte dias de folga. A média é quinze.

Lembre-se também de que uma das vantagens de ser piloto é o acesso a viagens aéreas gratuitas e com tarifas reduzidas. Isto se aplica não apenas a você, mas também aos seus familiares imediatos. Quando você tiver tempo livre, poderá levar sua família em incríveis aventuras de viagem.

Os pilotos gastarão muitos acréscimos

Muitos pilotos podem levar suas famílias a destinos de férias verdadeiramente notáveis! Foto de Natalya Zaritskaya no Unsplash

Qual é a idade de aposentadoria do piloto?

Depois de uma carreira tão intensa, você deve estar se perguntando quando os pilotos se aposentarão. A FAA exige atualmente que todos os pilotos de linha aérea se aposentem aos 65 anos. Alguns pilotos precisarão se aposentar mais cedo se desenvolverem uma condição desqualificante . Isso ocorrerá apenas se isso os impedir de manter seu certificado médico da FAA.

Quanto os pilotos ganham por hora?

Obviamente, existe uma ampla faixa salarial dependendo de muitos fatores. Esses fatores incluem educação, certificação, nível de experiência, antiguidade, companhia aérea e muito mais. No entanto, a partir de 2023, salário.com estima uma faixa horária de US$ 71 a US$ 108 para pilotos de linha aérea. O salário médio por hora de um piloto de linha aérea é de US$ 88.

Quanto os pilotos ganham por ano?

De acordo com o Bureau of Labor Statistics dos EUA, as perspectivas ocupacionais dos pilotos de linha aérea e comerciais, em 2021, o salário médio dos pilotos comerciais e de linha aérea era de US$ 134.630 por ano. Se você restringir apenas “pilotos de avião, copilotos e engenheiros de voo”, a mediana sobe para US$ 202.180.

Essa é apenas a média. Os 10% mais pobres dos pilotos ganharam menos de US$ 50.080, enquanto os 10% mais ricos trouxeram para casa mais de US$ 208.000.

Vale a pena ser piloto?
Só você pode responder isso. Do ponto de vista da estabilidade da indústria, as perspectivas são boas. O Bureau of Labor Statistics dos EUA prevê um crescimento muito forte de 13% para pilotos de companhias aéreas e comerciais entre 2020 e 2030.

Quer saber mais sobre a vida e o trabalho como piloto? Essas leituras são para você.

É sua vez

Pilotos profissionais, é hora de avaliar. Queremos ouvir sua opinião. Existe algo como um “cronograma típico de piloto”? Que tipo de trabalho piloto você tem atualmente e como costuma ser seu horário de trabalho? Como mentor, que conselho você daria aos futuros novos pilotos que estão pensando em seguir uma posição de piloto comercial ou de linha aérea?

AirlinesCareerProfessional pilot

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.

Produtos em destaque

ASA The Pilot’s Manual: Ground School Sixth Edition
ASA
ASA O Manual do Piloto: Ground School Sexta Edição
Preço promocional$54.99 USD Preço normal$69.95 USD
Em estoque
FAA Airplane Flying Handbook FAA-H-8083-3C
Skyhorse Publishing
Manual de vôo de avião FAA FAA-H-8083-3C
Preço promocional$17.99 USD Preço normal$19.99 USD
Em estoque
Rod Machado's Private Pilot/Commercial Handbook
Rod Machado
🎅 Christmas in July Sale 🎄
Manual do Piloto Privado/Comercial de Rod Machado
Preço promocional$71.99 USD Preço normal$84.95 USD
Em estoque

Últimas postagens do blog

Ver tudo
Why the Bose A20 is the #1 Selling Aviation Headset

Por que o Bose A20 é o fone de ouvido de aviação mais vendido

Headsets

O fone de ouvido de aviação Bose A20 conquistou uma ampla base de fãs entre os pilotos por sua incrível qualidade de som e design durável. Apesar de opções mais recentes estarem disponíveis no mercado, como o Bose A30 , o fone de ouvido A20 mantém sua popularidade na comunidade da aviação.

Nesta revisão, exploraremos os fatores que contribuem para seu apelo duradouro e por que ele continua a ser a melhor escolha para pilotos de todos os níveis de habilidade.

Flying in Thunderstorms (What to Do & What Not to Do)

Voando em tempestades (o que fazer e o que não fazer)

Visualmente deslumbrantes e cheias de poder mortal, as tempestades são um dos fenômenos climáticos mais fascinantes e perigosos que você provavelmente encontrará como piloto. Estima-se que 40.000 tempestades surjam diariamente em todo o mundo, então suas chances de ter que lidar com uma são razoavelmente altas.

How to Acquire a Helicopter License (Step by Step)

Como adquirir uma licença de helicóptero (passo a passo)

Education

Então, você quer obter uma licença de helicóptero, mas não tem certeza de como fazê-lo? Talvez você tenha uma licença de asa fixa e queira se dedicar ao rotor, ou esteja apenas começando e esteja interessado em eventualmente seguir a carreira de piloto de helicóptero. De qualquer forma, nós ajudamos você. Hoje iremos orientá-lo no processo e no que esperar ao adquirir uma licença de helicóptero.